Por que as placas de pare tem 8 lados?

Na virada do século 20, as estradas do mundo eram um caos. Os motoristas não precisavam de licença, não existiam faixas de rodagem e os sinais de parada ainda não haviam sido inventados. Mas por que as placas de pare tem 8 lados? Vamos à história:

Por que as placas de pare tem 8 lados?

Quando o primeiro sinal de pare oficial apareceu em Detroit, EUA, em 1915, era pequeno, branco e quadrado, nada parecido com o octógono vermelho que conhecemos hoje.

Mas em 1923, um ramo do departamento de rodovias do Mississippi sugeriu uma mudança – e se a forma de um sinal pudesse denotar o tipo de perigo à frente?

A lógica era simples: quanto mais lados uma placa tem, mais perigoso é o trecho de estrada que se aproxima.

Os círculos (que foram considerados como tendo lados infinitos) designavam os perigos mais arriscados, como cruzamentos de ferrovias. Octógonos denotavam o segundo perigo mais perigoso, como cruzamentos.

Os diamantes sinalizavam trechos menos complicados e os retângulos eram estritamente informativos. Ainda usamos esses parâmetros hoje, embora ninguém saiba por que o nonaedro não conseguiu entrar!

Relacionado:

Por que os semáforos são vermelhos e verdes?

Por que viagens de carro fazem você se sentir cansado?