Se você não consegue cheirar, consegue sentir o gosto?

Se você não consegue cheirar consegue sentir o gosto? Estou perfeitamente apto para responder à essa questão, porque tenho anosmia, o que significa que não posso cheirar. Em absoluto.

Shutterstock

Veja também:

Como você adquire um “gosto adquirido”?

Continue com: Se você não consegue cheirar consegue sentir o gosto?

Todas as fraldas que meu filho de dois anos já encheu foi totalmente inodoro para mim. Também perdi seu cheiro de bebê, que ouvi dizer que é fantástico. Não sei dizer se volto ao trabalho ainda fedendo de uma corrida na hora do almoço, o que muitas vezes me preocupa.

Nunca me sinto tentado pelo cheiro dos pretzels flutuando pelo shopping, e quando alguém queima pipoca no micro-ondas do trabalho, eu realmente não me importo. Também estou convencido de que vou morrer devido a um vazamento de gás algum dia quando estiver sozinho em casa.

A primeira coisa que as pessoas sempre perguntam quando descobrem sobre minha falta de cheiro é: “Espere, mas você consegue sentir o gosto?”

Como você sem dúvida já sabe, gosto e cheiro estão intimamente relacionados.

Os odores dos alimentos envolvem os nervos olfativos no nariz enquanto as papilas gustativas reagem na sua língua e, juntos, os dois se combinam para tornar a sua experiência alimentar agradável (ou não). Portanto, é razoável dizer que os anosmíacos obtêm apenas metade da experiência.

Pessoalmente, tenho preferência por coisas que têm uma classificação elevada no espectro de salgado, doce, azedo e amargo. Eu nunca conheci um doce que fosse “muito rico” para mim. Traga os alimentos picantes. Mas acho impossível distinguir entre sabores específicos.

Todos as gomas têm o mesmo gosto para mim, a menos que eu pegue um azedo como maçã verde ou limão. Eu nunca poderia saborear uma refeição caseira e elogiar a chef por sua mistura única de especiarias. Sálvia, manjericão, orégano – é tudo a mesma coisa (embora coentro tenha gosto de sabão para mim).

Os pesquisadores acham que 1 em 5.000-10.000 pessoas em todo o mundo sofre de alguma forma de anosmia. Existem várias maneiras de perder seu farejador.

Conforme algumas pessoas envelhecem, elas descobrem que seu olfato é menos agudo simplesmente devido ao envelhecimento. Outras causas incluem traumatismo craniano, tabagismo, pólipos nasais e muitas doenças como Parkinson ou Alzheimer. Pelo que eu sei, nenhum deles se aplica a mim: eu tenho anosmia congênita, ou seja, eu nasci assim.

Aqui está um anósmico tentando diferenciar sabores enquanto está com os olhos vendados. Os resultados me fazem pensar que cada experiência anosmica tem um sabor diferente, porque tenho certeza de que saberia a diferença entre suco de laranja e suco de cranberry.