Por que os cães gostam de se esconder debaixo das camas?

Quase todas as manhãs, você acorda e seu cachorro está praticamente sentado em cima de você ou pulando na cama tentando deixá-lo tão animado quanto eles para o dia. Mas às vezes, os cães se escondem debaixo da cama de forma que você nem consegue encontrá-los. Por que os cães gostam de se esconder debaixo das camas?

Como tantos outros comportamentos caninos, a resposta não é exatamente direta.

ISTOCK

Veja também:

14 respostas para perguntas sobre seu cachorro

Continue com: Por que os cães gostam de se esconder debaixo das camas?

 

Normalmente, é um comportamento inofensivo. Os cães se escondem embaixo da cama (ou em outra área pequena e escura) principalmente porque acham um local confortável para relaxar e tirar uma soneca.

Como “animais de toca”, espaços pequenos e fechados fazem os cães se sentirem seguros e os ajudam a relaxar mais facilmente. Os cães também gostam da temperatura criada debaixo da cama ou do tapete limpo e intocado.

Se o seu cão gosta de ficar debaixo da cama por ser um espaço escuro e contido, você pode tentar recriar um local semelhante como este na casa. Por exemplo, uma caixa ou canil com uma cama macia e coberta com um cobertor seria um ótimo lugar para o seu cão se descontrair.

Existem outras razões mais preocupantes pelas quais o seu cão pode estar escondido debaixo da cama, incluindo ansiedade ou doença.

Se os cães estão lidando com dores no corpo, por exemplo, eles podem querer encontrar um lugar apertado para desaparecer um pouco. Um cachorro também pode se esconder em momentos de alta ansiedade – como tempestades ou festas com muitas pessoas.

Eles se sentirão mais seguros se estiverem escondidos embaixo da cama, pois isso os separa de qualquer ruído caótico ou estresse. (Sabe-se que os gatos também fazem isso.)

Se o seu cão está sujeito a crises de ansiedade, existem maneiras de ajudá-lo a aliviar o estresse. The Nest relata que especialistas da Escola de Medicina Veterinária da Universidade da Califórnia sugerem imitar os sons que parecem desencadear sua ansiedade, como tempestades ou fogos de artifício, para condicioná-los:

“Começando com o volume no mínimo, dê elogios e guloseimas ao seu cão quando ele não responder negativamente ao som. Aumentar gradualmente o volume e continuar a reforçar seu comportamento positivamente acabará por condicioná-lo para que ruídos outrora assustadores não produzam mais uma negativa resposta. Manter as sessões de treinamento em cerca de cinco minutos por dia e duas ou três vezes por dia evita sobrecarregar seu filhote. ”

Se um cachorro está escondido embaixo da cama apenas para relaxar, esse comportamento provavelmente não é perigoso.

No entanto, se você acha que há algo errado, ou é um lugar incomum para encontrar seu filhote, você deve levá-lo ao veterinário, apenas para ter certeza.