Genial.club

+9 famosos que largaram a faculdade e seguiram com a vida


Todos nós sabemos da importância de um ensino superior! Se não temos, queremos ter e queremos que pessoas que gostamos tenham também… Em algumas ocasiões, vemos pessoas que largam os estudos enquanto na faculdade e na maior parte dos casos nem sabemos o que ocorre depois.

Em raríssimas exceções, após largar os estudos – alguns viram grandes “figurões”, conquistado fortuna e fama.

Esta lista é um compilado de nove grandes nomes que bem… infelizmente não terminaram os estudos… mas isso não parece ter feito realmente diferença para o que queriam da vida.

 

Steven Spielberg: Foi filmar aos 22 anos

@Divulgação

Diferente de outros grandes diretores e produtores de Hollywood, Spielberg não tinha boas notas e não conseguia entrar em uma instituição de ensino superior. Eventualmente acabou sendo admito em um ‘programa de cinema’ da California State University.

Tudo parecia correr bem até que em 1968 fez um bota fora e abandonou os estudos. Focou na produção de seu primeiro curta – chamado de Amblin, com apenas 22 minutos (o mesmo número da sua idade). Com este trabalho acabou conseguindo um contrato de ‘Direção de TV’ com a Universal.

O fato mais legal é que até aquela época, Spielberg havia sido o mais jovem a conseguir tal tipo de contrato.

Mas e se te dissermos que ele terminou os estudos universitários? Em um daqueles projetos que universidades fazem: Trouxeram o grande nome de volta e lhe concederam a graduação devido sua experiência e notoriedade. Estudar em uma sala de aula? Bem, ele nunca voltou.

 

Harry Truman – O presidente americano

@Divulgação

Logo ao término da Segunda Guerra Mundial, Harry S. Truman foi eleito o 33º presidente dos Estados Unidos. Seu mandato durou até 20 de janeiro de 1953, quando passou a faixa presidencial para Dwight D. Eisenhower.

A história de Truman com o ensino superior não foi exatamente de abandono por puro e simples ímpeto de rebeldia ou inovação. A família de Harry sofria constantemente com problemas financeiros, o que fez com que ele larga-se os estudos de Direito após alguns anos.

Basicamente ele precisou largar os estudos para trabalhar. E a lista de trabalhos realizadas com Truman não foi pequena: cronometrista de trens, agente bancário, caixa de supermercado e outros mais não confirmados.

Anos mais tarde Harry Truman foi convocado (sim, foi quase uma intimação) para voltar a Universidade de Kansas City. Sua presença foi requisitada para que fizesse parte da fraternidade Lambda Chi Alpha. Ele aceitou.

Uma frase marcante que Truman disse ao ser questionado sobre o abandono do ensino superior foi: “Você recebe educação e essa ninguém pode tirar de você. O dinheiro é temporário, mas o conhecimento não”.

 

Ellen DeGeneres – A grandona da TV

@Divulgação

Poxa, essa mulher é fantástica. Tem uma presença carismática e seu Talk Show é um dos mais assistidos nos Estados Unidos. Ela nasceu na Louisiana, o que facilitou para que ela estuda-se na Universidade de Nova Orleans, também na Louisiana.

Talvez o espírito aparentemente mais aventureiro de Ellen tenha feito ela cursar apenas um semestre na universidade! Pouco né?

Depois desse período “imenso” (piada pessoal), acabou em uma sucessiva tentativa de estabelecer em um emprego. Em um curto período passou por: Escrituária em uma empresa de Advocacia, bartender, descascando ostras, pintando casas, garçonete na TFIG (uma grande franquia americana) e até mesmo vendedora de roupas em um shopping.

Bom, ela não foi muito a faculdade, mas com certeza atingiu sucesso com um fantástico programa de televisão.

Há alguns anos ela foi chamada para discursar em uma formatura na Universidade de Tulane (também em Nova Orleans) e largou uma pérola dolorida para todos os formandos: “Não estou dizendo que você desperdiçou seu tempo ou dinheiro, mas olhe pra mim! Fiz menos de um semestre na Universidade e hoje sou famosa pra )@#*(“

 

Bill Gates – QI de gênio, paciência de apostador

@Divulgação

A maior parte do mundo conhece Bill Gates! Se não pela empresa que fundou, a Microsoft – por suas ações continuas em programas sociais, caridade e outros mais. Mas o que pouca gente sabe é que ele abandou Harvard! Sim! Uma das mais renomadas instituições de ensino superior do mundo.

Só para balizar um pouco, no teste equivalente ao vestibular que ocorre nos estados unidos (SAT), Gates totalizou 1590 pontos (a nota máxima é 1600)!

Apesar de ter “estudado em Harvard”, pode-se dizer que ele estava presente em corpo, mas não em alma! Ele utilizava os laboratórios da instituição freneticamente e foi lá que conheceu Steve Ballmer. Sou futuro sócio na Microsoft.

Este é mais um caso (como de Steven Spielberg, que citamos neste texto) em que a universidade chamou o notório aluno para lhe entregar o diploma sem estudar efetivamente na instituição. No entanto, no caso de Gates ele voltou para pegar não só o diploma da graduação, como também o diploma de Doutor.

 

Ted Turner – O cara da comunicação

@Divulgação

Você já ouviu falar na rede CNN? Pois bem, esse homem não só abandonou a universidade, como junto de seu pai fundou a rede CNN!

Apesar do pai de Turner ser uma pessoa extremamente rica, foi no mérito estratégico de Turner que tudo foi estruturado. Na escola era um aluno exemplar – já na Brown University não conseguia ficar em sala de aula e nem ‘escolher um bom curso’, e quem disse isso foi o próprio pai de Ted, quando ele informou que sairia do ‘curso de economia’ para estudar ‘literatura clássica’.

Na universidade, Turner nunca foi um bom aluno, mas conseguiu aplicar muito bem todo conhecimento possível que teve – já que aos 24 anos assumiu a recém fundada empresa que mais tarde viria a se tornar a CNN.

Anos mais tarde, quando perguntado sobre sua opção por ‘Literatura Clássica’ (e que nunca foi finalizada), afirmou: “Se não tivesse estudado isso talvez fosse um homem de negócios menos eficiente. Gostei das minhas decisões”.

 

John Glenn – Foi alto sem universidade

@Divulgação

Talvez esse nome não seja conhecido por você, mas ele não só tinha capacidades cognitivas fantástica como conseguia tomar decisões lógicas rapidamente sem deixar se influenciar por emoções. Você sabe que tipo de cargo precisa desta característica? Astronautas!

Abandonou a faculdade de Engenharia Química da ‘Universidade Muskingum College’ de Ohio. Após os ataques de Pearl Harbor, Glenn largou a faculdade e se alistou nas forças armadas.

Após voar por quase 60 missões de sucesso, foi chamado para programas experimentais do governo. Programas que mais tarde viriam a pertencer a NASA. E você sabe o que aconteceu depois? Glenn sagrou-se como o primeiro americano no espaço.

 

James Dean – Este dá até para entender

@Divulgação

Este sujeito conseguiu terminar a escola e até foi para a faculdade: Santa Monica College. Ele conseguiu terminar o pré-curso bem a contragosto, tudo isso para satisfazer seu pai que queria que o filho tivesse formação acadêmica.

Já com aquele ar de rebelde, resolveu mudar o curso para ‘drama e atuação’, o que fez com que nunca mais falasse com seu pai.

Em 1951, após se destacar entre diversos de atores, conseguiu o papel de Malcom em Macbeth. A partir deste ponto, tudo foi muito rápido! Saiu de um comercial da Pepsi direto para os cinemas.

James Dean se consagrou como o grande rebelde da história do cinema.

 

Steve Jobs – O cara que sabia o que fazer

@Divulgação

A história de Steve Jobs já foi contada em diversos filmes. Ele abandonou a universidade em 1972 para se dedicar ao estudo da caligrafia, fato este que mais tarde disse ser o responsável por seu ‘apurado senso de design e usabilidade’.

Em 1976, fundou oficialmente a Apple.

É interessante falar que a ‘falta de habilidade’ em gerenciamento foi o fator responsável por sua demissão. Ele foi demitido da empresa que fundou. Anos mais tarde, voltou a ser CEO – isso quando a Apple estava a alguns passos da falência.

O ‘não graduado’ Steve Jobs, não só recuperou a empresa como também fez dela uma das empresas mais valiosas do mundo.

 

Dustin Moskovitz – O amigo do amigo de Mark Zuckerberg

@Divulgação

Um amigo em comum apresentou Dustin ao dono do Facebook. Na época, estudava em Harvard e após apenas dois anos abandonou a instituição.

O motivo da saída? Ele é um dos fundadores do Facebook! Abandonou a universidade para se dedicar inteiramente a plataforma que acabara de ser lançada. Este acreditava mesmo no projeto, né?

A fortuna de Dustin é estimada hoje em mais de 15 bilhões de dólares. O número é mais ou menos esse: U$ 15.000.000.000 – o que na cotação atual fica próximo há 80 bilhões de reais. Isso é o equivalente há um terço do total do orçamento para o ano de 2020 do estado de São Paulo.


Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Oops, você está offline.