41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças

Para ajudá-lo a montar sua proteção para bebês, a equipe do Genial.Club montou uma lista com 41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças. Aqui estão alguns pontos chave a serem cobertos para garantir que o mundo que seu bebê está explorando seja o mais seguro possível.

Os bebês são como pequenos pacotes de curiosidade. Eles exploram seu mundo com seus olhos, suas mãozinhas e até mesmo suas bocas. E embora seja totalmente natural que eles queiram aprender sobre tudo ao seu redor, às vezes pode levar a grandes problemas.

Infelizmente, os acidentes domésticos estão no topo da lista de ferimentos e mortes infantis e podem acontecer em um piscar de olhos até mesmo para o mais responsável dos pais.

E embora proteger as crianças da sua casa possa parecer um pouco complicado no início, a prevenção (junto com uma supervisão cuidadosa) é o melhor método para manter seu bebê seguro.

 

Sala de estar a prova de bebês

41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças

@reprodução

Aqui estão alguns perigos comuns aos quais você deve estar ciente na sala de estar (e em qualquer outro lugar da casa onde eles se apliquem).

01. Cubra as tomadas elétricas não utilizadas com protetores de tomada

Os bebês adoram colocar coisas em outras coisas. Mas se por acaso colocarem um dedo ou objeto de metal em uma tomada, eles podem ser eletrocutados.

Usar tampas de tomada é algo que você vai querer fazer em toda a casa. E não se esqueça das réguas de energia!

A maioria dos pais está ciente de que precisa colocar tampas em tomadas não utilizadas, mas o que muitos não percebem é que alguns bebês e crianças têm tendência a puxar os plugues de aparelhos que estão em uso, como a televisão ou lâmpadas.

Felizmente, você também pode comprar caixas de tomadas para encobrir cabos conectados, protegendo crianças curiosas de uma situação potencialmente perigosa.

02. Prenda os cabos soltos na parede

Cordões soltos podem se enrolar no pescoço de um bebê. E a sala geralmente está cheia deles!

Prenda-os na parede com fita isolante, para que seu bebê não fique emaranhado. Se houver uma opção para atualizar para sem fio, faça isso e você vai agradecer a si mesmo.

03. Coloque molduras e outros objetos quebráveis ​​onde não possam ser alcançados

Embora seja bom exibir suas fotos favoritas na sala de estar, molduras de vidro e outros objetos quebráveis ​​são perigosos para o seu bebê, pois eles podem facilmente se cortar.

Certifique-se de colocar esses tipos de itens em um local alto, onde seu filho não possa alcançá-los, mesmo que estejam em cima de um móvel.

04. Prenda Móveis Pesados ​​na Parede

Antes que você perceba, seu filho estará se erguendo sobre seus móveis e usando-os para guiar seus primeiros passos. Para evitar que ele tombe sobre o bebê, certifique-se de prender coisas como estantes de livros, prateleiras, armários e outros móveis à parede com suportes e âncoras.

Isso se aplica especialmente a TVs. Embora essas telas planas possam parecer leves para um adulto, elas podem facilmente machucar uma criança pequena. O melhor método é fixa-las na parede.

Outra dica: quando se trata de prateleiras, armazene objetos mais pesados ​​nas prateleiras de baixo e objetos mais leves em cima.

05. Adicione amortecedores de canto e borda à sua mobília

Ninguém aprende a andar sem alguns tombos.

Os cantos e as arestas afiadas são como ímãs para bebês. Colocar protetores de canto e canto em seus móveis pode não parecer tão elegante, mas eles são muito melhores do que uma ida ao pronto-socorro.

06. Tenha cuidado com os cabos e fios para cortinas

Suas cortinas venezianas são muito mais perigosas do que você pensa. Se ficarem enrolados no pescoço do seu filho, eles são um possível perigo de estrangulamento. Tente encontrar coberturas de janelas sem cabos ou fios.

Se isso não for possível, certifique-se de manter os fios embrulhados e fora de alcance.

 

Veja também:

Ler em voz alta para seus filhos promove bom comportamento e aguça atenção

Continue com: 41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças

 

07. Use protetores de janela

Para evitar que seu bebê caia ou rasteje para fora de uma janela, use protetores de janela. Isso evitará que as janelas abram mais de 10 cm. Telas de proteção as vezes não são suficientes para evitar que seu bebê caia.

Outra dica para as janelas: certifique-se de manter os móveis altos longe deles. Quanto menos acesso seu filho tiver às janelas, melhor!

08. Mantenha a lareira coberta

Por mais aconchegante que seja acender um fogo, eles são um grande perigo para os bebês. Certifique-se de instalar um portão resistente ao calor e manter as ferramentas bem fora de alcance.

Se você tiver uma lareira artificial com pequenas pedras, certifique-se de removê-las, pois podem ser um risco de asfixia.

09. Mantenha velas e fósforos fora do alcance

A sala de estar é um local comum para acender velas. Certifique-se de que os fósforos e as velas estejam fora de alcance.

E embora possa parecer improvável para uma criança acender um fósforo, isso acontece. Melhor escondê-los!

 

Banheiro a prova de crianças

Dar banho em seu bebê é uma bela experiência de vínculo. Mas certifique-se de tornar este cômodo da casa, muitas vezes perigoso, à prova de bebês.

41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças

@reprodução

10. Mantenha um cadeado no vaso sanitário

Os bebês adoram brincar no banheiro e podem se afogar em apenas um centímetro de água, mesmo que seu filho não pareça estar interessado, é melhor colocar uma trava de segurança nele.

11. Instale travas de segurança em todos os gabinetes e gavetas

O banheiro está cheio de coisas que podem representar um perigo para o seu bebê. Remédios e até mesmo produtos diversos, aparentemente inofensivos podem ser venenosos se ingeridos.

Certifique-se de que todos os itens do banheiro sejam armazenados em um armário ou gaveta trancado para evitar acidentes.

12. Armazene e mantenha os medicamentos em seus recipientes originais em um armário ou gaveta trancado

Colocar remédios em uma prateleira alta não é uma barreira suficiente para uma criança curiosa. Mantenha todos os medicamentos e vitaminas trancados!

13. Armazene secadores de cabelo, chapinhas e baby liss em uma gaveta trancada o tempo todo

Além do perigo de ser eletrocutado se um desses dispositivos cair na água, os fios também apresentam risco de estrangulamento.

14. Considere o GFCI (Ground Fault Circuit Interrupter)

É uma boa ideia equipar quaisquer tomadas perto de fontes de água (cozinhas e banheiros) com GFCI – nada mais é do que um interruptor DR portátil que se insere entre qualquer tomada e a máquina ferramenta (eletroportátil). Se um eletrodoméstico acabar na água, esses dispositivos desligam a eletricidade.

 

Cozinha a prova de bebês

41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças

@reprodução

15. Certifique-se de que sua cozinha está fechada

De talheres a produtos de limpeza e eletrodomésticos, a cozinha está repleta de perigos para os mais pequenos. Um portão de segurança ajudará a evitar que seu bebê explore por conta própria.

16. Instale travas de segurança em gabinetes e gavetas

Mesmo se você estiver com seu bebê na cozinha, ele pode entrar nas coisas antes que você perceba. Instale travas para mantê-los longe de facas, detergentes, produtos de limpeza e outros perigos.

17. Armazene produtos tóxicos bem alto

Se o seu bebê acidentalmente abrir a trava da prateleira inferior, você quer ter certeza de que não há nada perigoso lá. Armazene qualquer coisa tóxica em uma prateleira trancada no alto, onde ficará fora de alcance.

18. Certifique-se de que os aparelhos elétricos estão fora de alcance

Guarde os eletrodomésticos que podem cair do balcão. Se o espaço do gabinete for um problema, certifique-se de que eles sejam empurrados para a parte de trás do balcão e que os cabos não fiquem visíveis.

19. Não deixe seu bloco de facas de fora

Como acontece com todos os outros talheres, os blocos de facas devem ser armazenados em um armário trancado.

20. Trave sua máquina de lavar louça

Se a sua máquina de lavar louça não tiver uma configuração de bloqueio, considere uma trava de aparelho.

Além disso, guarde as facas com a lâmina para baixo, evite deixar pratos na lavadora por muito tempo e só coloque o detergente imediatamente antes de ligá-la (o detergente é venenoso se crianças o ingerirem).

21. Monte seu micro-ondas bem alto

Este é outro aparelho que é melhor manter fora do alcance. E certifique-se de que seu filho não esteja sob os pés quando você estiver removendo qualquer coisa quente dele.

22. Considere uma proteção de fogão

Você pode puxar os botões do fogão quando não estiver cozinhando, mas uma proteção do fogão que se conecta à frente também pode manter as mãozinhas longe de problemas. Este é outro aparelho onde você pode usar uma trava para evitar que seu bebê o abra quando você não estiver olhando.

Quando estiver cozinhando, tente usar os queimadores de fundo e mantenha os cabos das panelas voltados para a parte de trás do fogão.

23. Coloque uma trava de segurança em sua geladeira

E mantenha itens perigosos como vidro, medicamentos ou itens que possam sufocar, como uvas, nas prateleiras mais altas na parte de trás. Adicione uma trava de segurança em sua geladeira para sua tranquilidade.

24. Tranque os sacos plásticos

Como em qualquer cômodo da sua casa, certifique-se de que seus sacos plásticos estejam trancados para evitar que seu filho sufoque.

25. Não deixe um banquinho por aí

Os bebês podem ser surpreendentemente ágeis às vezes. Um banco pode colocar itens perigosos ao seu alcance e também é algo de que eles podem cair.

26. Perca a toalha de mesa

Sim, eles são bonitos. Mas se o seu bebê tentar se levantar com a toalha da mesa, tudo vai voar de cima da mesa.

27. Mantenha uma tampa apertada no lixo

Ou melhor ainda, coloque-o em um armário com trava de segurança.

 

Quarto do bebê a prova dele mesmo

41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças

@reprodução

28. Certifique-se de que não há objetos no berço com seu bebê

Cobertores, brinquedos, travesseiros e até mesmo protetores de berço podem representar um perigo para os bebês e, potencialmente, causar asfixia. Além disso, não coloque nenhum brinquedo ou móbile acima do berço, pois um bebê em pé pode puxá-lo para baixo e possivelmente estrangulá-lo.

29. Tenha cuidado ao colocar o berço

Mantenha-o longe de janelas, aquecedores, lâmpadas e qualquer decoração de parede ou cordas.

30. Prenda Móveis Pesados ​​na Parede

Tal como acontece com outras áreas da sua casa, certifique-se de que nenhum móvel pesado possa tombar.

31. Coloque suprimentos para bebês fora do alcance

Toalhas umedecidas, pó, pomada e outros suprimentos devem ser colocados onde seu bebê não possa alcançá-los.

32. Esteja ciente dos riscos de asfixia

Brinquedos pequenos, peças de jogos, giz de cera e outros materiais de arte devem ser armazenados fora do alcance; balões de látex são especialmente perigosos e são responsáveis ​​por cerca de metade das mortes por engasgo de crianças.

Não é algo que você queira deixar no quarto do bebê!

33. Pinte o quarto bem antes da chegada do seu bebê

Certifique-se de usar tinta não tóxica para o quarto do seu bebê e pinte pelo menos oito semanas antes de sua chegada para evitar qualquer cheiro persistente.

34. Instale um detector de monóxido de carbono e um detector de fumaça

Não temos o costume de instalar detectores de fumaça, mas é sempre uma boa ideia e também, nunca é uma má ideia instalar um segundo detector de monóxido de carbono em algum lugar do quarto do bebê que esteja fora de alcance. Embora o monóxido de carbono seja perigoso para todos, é especialmente perigoso para recém-nascidos e crianças pequenas.

 

Casa a prova de bebês

Obviamente, algumas das medidas de segurança que mencionamos podem ser aplicadas a mais de um cômodo da sua casa. Aqui estão algumas coisas adicionais a serem consideradas em toda a sua casa.

35. Tampas de maçaneta de porta

Mais cedo ou mais tarde, seu bebê aprenderá a usar uma maçaneta. Para evitar que ele entre em qualquer lugar que possa ser inseguro para ele, uma tampa de maçaneta é uma ótima medida preventiva.

Considere colocá-los em portas que levam à lavanderia, garagem, escadarias, banheiros e qualquer lugar que não seja à prova de crianças.

36. Portões para bebês para escadas e outras salas

Os portões para bebês são outra maneira de evitar que os pequenos vaguem por lugares que não deveriam. E, é claro, você deve sempre ter um portão do bebê no topo e na base de qualquer escada.

Para o topo das escadas, certifique-se de usar uma grade protetora que é montada no batente da porta em vez de uma que usa barras de pressão expansíveis para permanecer no lugar.

Uma das principais dicas para proteção para crianças é simplesmente bloquear os quartos que você não quer que eles entrem. É a maneira mais barata e simples de manter seu filho longe de perigos que você ainda precisa resolver.

37.  Portas batendo

Portas são altamente perigosas para os dedinhos de um bebê. Para todas as portas que você pretende deixar abertas, use um batedor e segurador de porta para evitar acidentes.

38. Remova as plantas venenosas

É ótimo ter plantinhas em casa. Mas lembre-se, algumas plantas são venenosas se ingeridas. Certifique-se de que nenhuma das suas plantas está na lista!

39. Mantenha o número de emergência por perto

Mesmo quando você toma medidas de segurança, às vezes acontecem acidentes. Certifique-se de manter o número do pediatra e do SAMU afixado em um local visível, caso seu bebê sofra um acidente.

40. Mantenha sua bolsa e as bolsas dos visitantes fora do alcance

O bebê adora mexer nas coisas de outras pessoas – especialmente nas bolsas! Mas coisas como moedas, grampos de cabelo, medicamentos e outros objetos podem ser perigosos para o seu filho.

Melhor guardar todas as bolsas onde seu bebê não possa alcançá-las.

41. Esteja ciente dos riscos de asfixia

Novamente, qualquer pequeno objeto que uma criança coloque na boca representa um perigo. Esteja sempre atento a quaisquer itens que possam colocar seu bebê em perigo e remova-os do alcance.

 

O mundo do ponto de vista do bebê

@reprodução

Depois de cobrir tudo o que está em sua lista de verificação de proteção para bebês, você vai querer fazer uma última varredura na casa.

Desta vez, do ponto de vista do bebê! Isso mesmo, você vai querer ficar de quatro e dar uma olhada ao redor.

Veja se você percebe algo que pode ser tentador ou perigoso para o seu bebê e que você não percebeu na primeira vez. Você pode se surpreender com o que vai encontrar!

Lembre-se de que, independentemente do trabalho realizado, a proteção para crianças nem sempre é 100% eficaz e não pode substituir a supervisão de perto.

E embora a lista de medidas possa parecer esmagadora no início, é tudo muito factível. Especialmente se você começar cedo o suficiente, três meses antes da chegada do seu bebê é ideal para que você não tenha que se apressar para a segurança das crianças, você pode sentar e relaxar e aproveitar os primeiros meses com eles.

 

Basta começar com alguns passos de formiga, e antes que você perceba, você adotará essas 41 maneiras fáceis de proteger sua casa para crianças sua casa e, estará à prova de crianças e pronta para que seu filho se mude!